IFMSA

Introdução

A International Federation of Medical Students’ Associations (vulgo IFMSA), fundada em 1951 na sequência da II Guerra Mundial, é a organização não-governamental representativa dos estudantes de Medicina, compreendendo atualmente 130 Organizações-Membro de 122 países distintos e representando aproximadamente 1,3 milhões de estudantes de Medicina a nível global. Em cooperação com entidades de relevo como a World Health Organization (WHO), United Nations (UN) ou World Medical Association (WMA), a IFMSA debate e assume tomadas de posição em Saúde Global, bem como nas suas demais áreas de ação em representação externa:

  • Ação Humanitária;
  • Alterações Climáticas e Saúde;
  • Cuidados de Saúde Primários;
  • Doenças Não Transmissíveis;
  • Participação ativa da Juventude;
  • Recursos Humanos em Saúde;
  • Responsabilidade Social das Escolas Médicas;
  • Saúde e Direitos Sexuais e Reprodutivos;
  • Saúde como Determinante Política e Social.

 A Federação Internacional divide-se em cinco regiões distintas - Africa, Americas, Asia-Pacific, Eastern-Mediterranean e Europe - através das quais as várias Organizações-Membro estão agrupadas. À data, a ANEM - sob a designação PorMSIC-Portugal - é uma Organização-Membro de pleno direito da Região Europeia, participando por isso nas respetivas Assembleias Gerais, Encontros Regionais e momentos de decisão da IFMSA.