Intercâmbios Clínicos

Reconhecimento Académico

Atualizado em junho de 2019

 

EM-UM (NEMUM)

Na EM-UM tens a possibilidade de realizar um Intercâmbio Clínico (SCOPE) e enquadrá-lo na aprovação e creditação integral da Unidade Curricular (UC) “Residências Opcionais” (5ºAno). Este terá de ser avaliado conforme a metodologia vigente, que dita um período de estágio mínimo de 24 horas semanais, com obrigatoriedade de passagem por serviço de Ambulatório durante 1 das semanas. Para a avaliação, equivalente à classificação atribuída por um tutor, são considerados os critérios de profissionalismo, atitudes, conhecimentos, competências clínicas e capacidade de resolução de problemas.

A EM-UM oferece também a possibilidade de aprovação e creditação da UC “Projeto de Opção 1” (1ºAno), através da realização de um Intercâmbio Científico (SCORE). Neste caso, para além de trazerem a avaliação dos tutores assente nos parâmetros de assiduidade, comportamento, relações interpessoais, empenho e evolução, os alunos terão de elaborar um trabalho escrito e uma apresentação oral, agendada até ao início do ano letivo subsequente ao do intercâmbio, no final da qual será atribuída uma classificação que vise ponderadamente todos estes fatores.

A Unidade de Educação Médica disponibiliza a documentação necessária e é aconselhável comunicar previamente este interesse ao coordenador da UC. Depreende-se que todas as condições definidas pela IFMSA e pela ANEM para efeitos de certificação sejam cumpridas.


FMUP (AEFMUP)

Para efeitos de creditação de formação e de avaliação do estágio do programa de intercâmbios (clínicos ou científicos) geridos pela Associação Nacional de Estudantes de Medicina, os estudantes interessados devem elaborar um relatório de estágio, com máximo de 1000 palavras (aproximadamente 2 páginas) onde relatem de forma sucinta quais as atividades que executaram ao longo do estágio, bem como considerações que considerem pertinentes relativamente ao mesmo e as competências e capacidades que desenvolveram.

O relatório deve ser entregue ao diretor de ciclo de estudos juntamente com a seguinte documentação necessária: Handbook, devidamente preenchido com o mínimo de 80% presenças; Declaração de consentimento, assinada pelo tutor; Cópia do certificado da IFMSA. O aluno deve formalizar o pedido de creditação com todos os ficheiros acima mencionados até final do mês de dezembro do ano em que realizou o intercâmbio. O conteúdo do relatório contribuirá para a classificação a atribuir ao estudante na componente optativa creditada (3 créditos).

O Diretor do Ciclo de Estudos reserva-se no direito de contactar o tutor/orientador de estágio e/ou a instituição envolvida, de modo a verificar a veracidade dos factos apresentados. Os estudantes obterão resposta sobre a aprovação dos documentos e a possibilidade de creditação até março do ano seguinte. Para os estudantes que se encontram no antigo plano curricular, uma vez que este não inclui componentes optativas, nestes casos a creditação do intercâmbio permitirá apenas obter um suplemento ao diploma do curso.


ICBAS (AEICBAS)

Consulta neste Documento explicativo o funcionamento do Processo de Acreditação dos Intercâmbios Clínicos no Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar.


FMUC (NEM/AAC)

Na FMUC tens a possibilidade de pedir a Creditação de duas Unidades Curriculares Opcionais (4 ECTS) após a realização do teu Intercâmbio Clínico ou Científico. Para tal deves consultar atentamente os Documentos de Apoio e garantir o preenchimento cuidado do Registo de presenças, Avaliação do Estágio, Questionário de Satisfação - Tutor e Auto-Avaliação. Todos estes devem ser entregues no Atendimento do NEM/AAC até ao dia 30 de Setembro de 2019. Caso, durante o processo, surjam dúvidas podes contactar os Representantes Locais: leo@nemaac.net (Intercâmbios Clínicos) e lore@nemaac.net (Intercâmbios Científicos)


FMUL (AEFML)

Em Atualização. Novas informações serão disponibilizadas assim que possível.


NMS|FCM (AEFCM)

Recentemente a Secção de Intercâmbio e Mobilidade passou a receber pedidos de creditação de estágios que os alunos da NMS | FCM realizem através da International Federation of Medical Students' Associations (IFMSA). Estes Intercâmbios podem ser Clínicos ou Científicos e permitem unicamente a creditação à Opcional Livre do ano académico seguinte.

O aluno deve solicitar por email (mobilidade-out@nms.unl.pt) o pedido de creditação à SIM até 2 meses antes da data de início do estágio. Esse pedido, deve conter a seguinte informação: cópia da carta de aceitação; ano que vai frequentar; tipo de estágio; indicação do hospital universitário ou universidade de acolhimento e nº de horas de contacto que irá fazer (no mínimo 60h).

A SIM facultará a todos os alunos o formulário que devem obrigatoriamente trazer preenchido, assinado e carimbado pela instituição de acolhimento. Consulta as Normas e Procedimentos para Pedidos de Creditação para Intercâmbios Clínicos aqui.


FCS-UBI (MedUBI)

A validação e acreditação dos intercâmbios clínicos devem ser realizadas com critérios objetivos estabelecidos no regulamento, através do reconhecimento de equivalência ao nível de unidades curriculares do 4º, 5º e 6º ano, integrados em Clínica Médica Cirúrgica I/II e Prática Clínica.

O modelo de avaliação e atribuição de equivalência a UCs é baseado na apresentação do certificado, handbook e o formulário de acreditação académica. Estes documentos deverão ser entregues até ao final da época de pedidos de equivalência, para que possa ser atribuída equivalência às unidades curriculares referidas. Para além disso, o aluno deve preencher o Academic Quality Kit do handbook antes de realizar o intercâmbio, com devido carimbo e assinatura, pela faculdade e diretor de curso respetivamente.

Condições a reunir para acreditação:

  • O intercâmbio clínico foi realizado no ano letivo anterior, relativamente ao ano letivo em que o pedido é feito;
  • O aluno fica dispensado do estágio, mas não de aulas teóricas e avaliações;
  • No decorrer do ponto anterior, as classificações obtidas, no estágio do intercâmbio, não serão tidas em conta no cálculo da média final de curso;
  • A carga horária do estágio de intercâmbio deve ser igual ou superior à do estágio curricular correspondente;
  • A assiduidade ao estágio de intercâmbio deve ser de pelo menos 80%.


DCBM-UAlg (NEMed/AAUAlg)

A realização com aproveitamento dos intercâmbios clínicos - SCOPE da IFMSA - é passível de reconhecimento académico pelo Departamento de Ciências Biomédicas e Medicina da Universidade do Algarve. Sendo a prática destes, uma ferramenta útil e valorizada para a creditação da unidade curricular opcional (8 semanas) do 6º ano curricular do curso, mediante a apresentação oral e escrita de um relatório do respetivo estágio clínico.