DSSR

SexTalks

29 abr. 2016

Introdução

Constituindo-se como características inatas do ser humano, a sexualidade e a reprodução devem ser estabelecidas através do principio de um respeito universal e independente da condição de saúde de cada individuo.

Tendo em conta o estigma e as limitações formativas encontradas na Saúde Sexual e Reprodutiva de pessoas portadoras de deficiência física e intelectual, emerge como uma necessidade a discussão deste tema junto dos estudantes de Medicina, de modo a não ser esquecido ou menosprezado. Assim sendo, e associado à temática da Disfunção Sexual, esta Edição do SexTalks ergue-se como uma mais valia na formação dos futuros médicos de Portugal.